Novo Gama - Apresentado por Ozéas de Oliveira

Friday, June 30, 2006

Nos onibus da Anapolina tem de tudo, espetáculo, vendedores ambulantes, carga de móveis, caixas de marmitas, pedintes, etc.






Vemos abaixo um carregamento de marmitas, colocadas na parte traseira, obstruindo o desembarque de passageiros.

Tuesday, June 27, 2006

Novo Gama Na Copa do Mundo .



Enquanto os moradores assistiam o jogo, os onibus circulavam praticamente vazios, alguns somente com motorista, lógico, e cobrador, só para cumprir horário, pois passageiro mesmo não havia.




E o coitado do funcionário dos Correios e Telegrafos cumpria sua missão: faça sol faça chuva, haja copa ou não, os Correios não falham!








Hoje, dia de jogo do Brasil contra Gana, às 11horas, esta é a movimentação na avenida Central da Cidade. Alguns comércios não abriram, outros já fecharam. A expectativa é grande. Esse jogo requer uma torcida muito forte, pois do contrário o Brasil volta para casa, caso perca. Vamos torcer para ser um jogo ao menos no estilo do Brasileiro: sofre até o último instante. Mas como dizem, no final tudo vai dar certo. Se não está dando certo é porque ainda não chegou ao final.

Meu palpite é de 2 a 1 para o Brasil

Monday, June 26, 2006

Seja Bem vindo a nossa Cidade. Eu lhe convido.

Mais uma demonstraçao de desmando da Anapolina contra passageiros do Novo Gama

O onibus 26408 que saiu do Novo Gama às 13hs passando pela Esplanada , através de seu motorista, não abriu a porta para que os passageiros desembarcassem na entrada da rodoviaria do PP,
antes que o mesmo seguisse para a Esplanada. Embora estivesse parado no semáforo, com possibilidade para desembarque direto na calçada, o motorista alegou que não podia abrir a porta por causa de fiscais, e que só poderia permitir desembarque na próxima parada.





MAS se algum funcionário da empresa desejasse desembarcar, isso não teria problema. Esses onibus param em qualquer lugar para embarque e desembarque de motoristas, cobradores e outros funcionários. Tem motorista que permite desembarque naquele lugar da rodoviária, tem outros que não. Enfim, desejamos saber se pode ou não pode parar ali.


Passageiro não pode desembarcar naquele lugar, mas a empresa despeja passageiro onde quer, inclusive em fila dupla, tendo os passageiros que desembarcar em lugar onde fica exposto a fumaça dos onibus da mesma empresa. Veja as fotos abaixo.

A concorrência mais acirrada é a do Novo Gama-IBGE vai abrir 70 mil vagas na seleção para temporários

26/06/2006
IBGE vai abrir 70 mil vagas na seleção para temporários

Carmem Souza
Do Correio Braziliense

Um exército de 70 mil pesquisadores. É o que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) prepara para os próximos meses. Ponto para a turma fissurada por concursos públicos. As vagas não são para o quadro fixo do órgão, é bem verdade. Mas garantem um tempo considerável de salário no final do mês. Normalmente, os contratos temporários do IBGE duram até 24 meses. A previsão do instituto é reforçar a equipe no início do próximo ano. Os novatos vão trabalhar em dois projetos nacionais: o censo agropecuário e a contagem da população.

Para tamanha incumbência — estima-se que no Brasil existam 6 milhões de propriedades rurais e os pesquisadores ainda terão que visitar domicílios de 5.562 municípios—, serão contratados quatro tipos de profissionais: recenseador, auxiliar censitário administrativo, agente censitário supervisor e agente censitário municipal. O primeiro cargo pode ser preenchido por candidatos que tenham concluído o ensino fundamental. Os demais exigem pelo menos a conclusão do ensino médio.

O último concurso de pesquisadores para o IBGE foi feito há quatro anos pela Fundação Cesgranrio. Na ocasião, foram abertas 2.534 vagas, também temporárias, para agentes de pesquisa. Brasília ficou com 57 postos. Os inscritos foram submetidos a uma prova objetiva composta por 40 questões, sendo 20 de português, 10 de matemática e 10 de conhecimentos gerais. Para entrar na disputa, bastava ter concluído o ensino médio. A taxa de inscrição foi no valor de R$ 19.

Uma equipe de recursos humanos do IBGE fecha os últimos detalhes do edital do concurso. A intenção é divulgar as regras do processo seletivo o mais rápido possível, até porque o governo federal já liberou as verbas para a realização das pesquisas. Serão contratados candidatos em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal. Ainda não foi finalizada a partilha das vagas entre os escritórios do IBGE.

Os salário inicial dos aprovados será de R$ 576 (auxiliar censitário administrativo), R$ 660 (agente supervisor) e R$ 800 (agente municipal). Recenseadores recebem remuneração variada. Uma quantia é fixa a outra depende do número de questionários pre-enchidos. Os dois valores serão definidos em breve.

Correios

Esta é para os inscritos no concurso de atendente comercial da unidade brasiliense dos Correios. O órgão trabalha na licitação da empresa que será responsável pela realização do concurso. Não há uma previsão para a data de aplicação das provas. Com a proximidade do período eleitoral, o órgão se organizou para receber os novos funcionários no próximo ano. No total, 3.603 pessoas disputarão as 24 vagas oferecidas, divididas entre 24 cidades do Entorno. A concorrência mais acirrada é a do Novo Gama. O único posto chamou a atenção de 383 pessoas.




http://concursos.correioweb.com.br/noticias/noticias.htm?codigo=15567

Sunday, June 25, 2006

Passageiro Eleitor se manifesta a respeito dos serviços da Anapolina e da Inatividade politica sobre o tema Transporte Coletivo Municipal


Mensagem recebida de usuário da Anapolina. Analise se o sofrimento dele não corresponde às denuncias por mim apresentadas quanto ao péssimo serviço da Anapolina. Pelo menos ele manifestou. Os passageiros analfabetos, idosos, deficientes, etc, sem condições de se manifestar só podem ficar calados e submeter-se aos caprichos dessa empresa que espero não exerça qualquer outro tipo de dominio sobre esta cidade de Novo Gama e entonor



=====================================================================================

Caro Sr. Ozeas de Oliveira. Hoje, navegando nas paginas da internet, através do site de busca CADE, encontrei sua página e me senti bem representado! Acho que seu trabalho manifesta todo um interesse de uma população carente!
Carente de representante na Politica, No transporte, Na vida cotidiana, para saber onde o sapato dessa gente sofrida aperta!
Vim apenas dar-lhes um abraço forrte, de alguem que também sofre com atrasos e chacotas, por causa de uma emprsa que sequer valoriza o usuário que tem.
Ainda por cima, de uma cidade que tem uma população ordeira, que mesmo sob total estresse não agride funcionários nem extrapola sua raiva sob os bens dessa empresa.
Moro no Pedregal e vivo todos os dias esse dilema de atrasos e quebradeiras de onibus, por força mecânica!
Sem mais para o momento. Vidigal Barbosa




Passageiro Sofrido da Anapolina se manifesta

Em Novo Gama, Passageiros que aguardam onibus na Rodoviária são obrigados a inalar fumaça de onibus da Anapolina,

o que comprova a péssima manutenção das sucatas. Cadê os Vereadores para legislar a respeito do transporte coletivo municipal.






Em Novo Gama, Passageiros que aguardam onibus na Rodoviária são obrigados a inalar fumaça de onibus da Anapolina, o que comprova a péssima manutenção das sucatas

Cabeças rolaram e vão rolar no quadro politico. O povo pode ser enganado por algum tempo, mas não por todo o tempo...

... afinal muita coisa poderia ter sido feito - por exemplo, a cidade comemora 11 anos de emancipação e ainda não tem abrigo nas paradas de onibus. Vereador e Prefeito não usa onibus,né.




Seja Bem vindo a nossa Cidade. Eu lhe convido.

Saiba mais acessando www.novogama.blogspot.com


Novo Gama, uma cidade boa "pra cachorro".



... Precisamos de uma visitinha do controle de zoonoses, para recolher essa cachorrada solta pela cidade, que tem feito ponto em nossa Rodoviária, que é "Boa pra cachorro"!

Tuesday, June 20, 2006

Usuário Pede ao Ministério Público de Novo Gama Providencias


para melhorar os (des)serviços prestados pela Viação Anapolina





Exmª. Sra. Promotora de Justiça do Ministério Público da Comarca de Novo Gama – GO


Meritíssima Juíza,


Ozéas Rodrigues de Oliveira, brasileiro, casado, servidor público federal, residente e domiciliado nesta cidade de Novo Gama, vem à presença de Vª. Exmª. expor e requer o que se segue:

1. Que o retro citado é residente nesta cidade, e consequentemente usuário de transporte coletivo.
2. Que como a maioria das pessoas que aqui residem, é usuário de outros serviços e compromissos fora da cidade.
3. Que o único transporte coletivo existente é prestado pela VIAN - Viação Anapolina.
4. Que no dia 14 do corrente mês, embarcou no veículo 96 405, partindo da Rodoviária de Novo Gama, ás 09:35hs com destino a Brasília, onde pretendia chegar para um compromisso com horário agendado.
5. Que já na Rodovia BR 040, o veículo apresentou problema mecânico, tendo o motorista insistido em prosseguir viagem, e fazer os passageiros chegar ao destino previsto.
6. Apesar da tentativa, a viagem foi interrompida por problemas mecânicos na altura do Monumento ao Trabalhador, popularmente conhecido como “chifrudo”.
7. Os passageiros tiveram que desembarcar, ficando expostos ao sol, a fumaça da beira da rodovia, exposto às chacotas de outras pessoas que passavam em outros carros particulares.
8. Não bastasse esse contratempo e exposição a essa situação de vexame, exposição ao clima de beira de estrada, dentre outros, pesa ainda o fato de ser comum essa situação para quem se utiliza dos péssimos serviços dessa empresa que aparentar ter monopolizado o direito de explorar o “carregamento” de pessoas que não tem alternativa de transporte coletivo.
9. Ainda mais agravante, é o stress causado pela expectativa dos passageiros quanto ao socorro, que sempre acontece por outros veículos nas mesmas condições.
10. Segue-se ainda o mais aborrecedor, que é passar pelo constante constrangimento na hora de justificar o atraso sofrido, seja para o patrão, seja para quem quer que seja, justificativa essa que já é recebida com ar de chacota: “Já sei: você está chegando atrasado porque o seu ônibus quebrou de novo?”. Excelência, isso é constrangedor. O passageiro paga o que a empresa exige, mas não tem o atendimento que merece, pelo preço exigido. Nem sequer tem certeza de que vai chegar ao destino pretendido.
11. Diante da exposição acima, Meritíssima, desejo denunciar a Viação Anapolina pelos péssimos serviços que tem prestado a esta população que está refém do suposto monopólio que aparentemente a empresa detém para controlar o “carregamento” dos passageiros da região.


Segue anexo, copia de documento pessoal, demonstrando que como passageiro tive que chegar atrasado a um tratamento de saúde, e que me vi obrigado a chegar atrasado, não tendo perdido o atendimento porque tive que gastar créditos de meu telefone celular para comunicar à clinica que eu iria me atrasar e que verificassem a possibilidade de me atender, apesar do atraso, além de fotos dos passageiros na beira da estrada.

Sendo assim, Excelência, solicito os préstimos desse Ministério Público no sentido de que algo seja feito no sentido de melhorar o atendimento no que tange ao transporte público local. Para embasar os motivos acima elencados, informo que existe um site que apresenta matérias diversas, fotos de passageiros à beira da estrada, fila de ônibus quebrados, matérias jornalísticas que reiteram o presente queixa – o site é www.anapolina-go.blogspot.com .


Nestes Termos, peço e espero deferimento.




Ozéas de Oliveira
Título de Eleitor 003798392097-004-0037
Tel. 9269 6170 – 3628 4152

Programação comemorativa ao Aniversário de Novo Gama





Thursday, June 15, 2006

Ibama termina vistoria nos lixões do Entorno semana que vem

Brasília, quinta-feira, 15 de junho de 2006



Eduardo Militão
Do CorreioWeb

15/06/2006
15h12-O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) quer terminar na semana que vem a vistoria nos 19 lixões do Entorno do Distrito Federal. O órgão verifica a situação ambiental e legal dos aterros. Desde 26 de abril, já fechou cinco lixões. Apesar de só ter avaliado oito depósitos de resíduos, o chefe de Fiscalização do órgão, Antônio Wilson Pereira, acredita que terminará o trabalho até o final da próxima semana.

Na sexta-feira (9) e na segunda-feira (12), o órgão ambiental fechou dois lixões em Valparaíso. Segundo Pereira, os rejeitos eram jogados a céu aberto, sem tratamento algum. Depois da interdição de um, a prefeitura improvisou um depósito de rejeitos no Céu Azul. Ele afirma que o chorume escorria no solo e que não havia compactação de detritos. Agora, a prefeitura leva o lixo coletado para o aterro do Novo Gama, que chegou a ser fechado, mas, por cumprir as exigências ambientais, voltou a funcionar.

“Lá é um aterro dentro das normas. Não é padrão, mas ele vai chegar lá”, analisou Pereira. A prefeitura de Novo Gama assinou um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) com o Ministério Público goiano em que se comprometeu a mudar a administração dos resíduos sólidos da cidade.

O secretário de Obras de Valparíso, Alessandro Barreiros, nega que havia chorume escorrendo pelo solo nos lixões. A prefeitura da cidade recorreu ao Judiciário para reabrir os dois depósitos de detritos interditados. Barreiros disse que pediu à Agência Goiana de Meio Ambiente (AGMA) para implantar um aterro sanitário – aquele que segue todas as normas ambientais – para substituir os lixões. Ele ficaria exatamente no lugar de um deles, no bairro Valparaíso II. “Vamos revitalizar o existente e fazer um novo.”

População revoltada
Em Águas Lindas, o Ibama fechou o aterro local há 15 dias. O secretário de Meio Ambiente, Francisco Lima, reclama do fato de o lixo estar acumulado nas ruas desde então. “A população está revoltada.” O depósito está em uma região de declive, no bairro Queda do Descoberto. De acordo com Pereira, do Ibama, trata-se de uma borda de chapada. Nesse caso, o rio Descoberto está em risco com a presença do lixão ali.

Lima recorreu ao próprio Ibama para liberar a área até a prefeitura construir um novo aterro. A área ficará em um platô, perto da divisa com Santo Antônio do Descoberto. A expectativa é utilizar o aterro durante 30 anos.

Em Formosa, o Ibama fechou apenas a parte do lixão que recebia resíduos hospitalares. O argumento é de que os detritos estavam a céu aberto, sem tratamento. A prefeitura de Formosa não atendeu os telefonemas da reportagem.

Licenciamento
Segundo Pereira, nenhum dos 19 lixões do Entorno possui licenciamento ambiental – série de três autorizações dadas depois que todas as leis de manejo dos resíduos são, comprovadamente, cumpridas à risca. No Distrito Federal, a situação é idêntica. O Lixão da Estrutural está nessa condição há 30 anos. Nas vistorias ao redor da capital, o Ibama avalia a situação e pede que as prefeituras proponham um cronograma de soluções para resolver o problema. Nos casos mais graves, há a interdição do local (leia abaixo “A situação dos lixões”).

Entre as soluções para o caso está a criação de consórcios entre as prefeituras. Como há 19 aterros, fica difícil crer que até mesmo pequenos municípios consigam atender a todas as exigências ambientais do Ibama. A prefeiturua de Valparaíso estuda firmar acordo com a de Novo Gama e Ocidental. “Isso está bastante adiantado”, afirmou Barreiros, secretário de Obras da cidade. Em Águas Lindas, o futuro aterro poderá ser compartilhado com Santo Antônio do Descoberto, devido à localização do lugar.

Essas e outras questões serão debatidas na próxima segunda-feira. Na reunião, as prefeituras vão levar dúvidas, reclamações e propostas aos órgãos que as fiscalizam: Ibama, Agência Ambiental e Ministério Públicdo de Goiás.

A SITUAÇÃO DOS LIXÕES

Valparaíso
Situação mais grave. A cidade, de xxxx mil habitantes, teve dois lixões fechados por suposto derramamento de chorume no solo e falta de compactação de detritos. As interdições aconteceram na sexta-feira e segunda-feira passadas. A prefeitura promete revitalizar o lixão principal e construir um aterro no lugar. Um consórcio com Cidade Ocidental e Novo Gama está em estudo.

Formosa
O setor que recebia lixo hospitalar foi interditado por falta de condições de acondicionamento. A prefeitura não foi localizada para dizer qual a solução para o problema.

Águas Lindas
O aterro está em situação razoável, mas foi fechado mesmo assim, há 15 dias. Ele está em uma borda de uma chapada, às margens do Rio Descoberto. Para os ambientalistas, há risco de contaminação da água. Pode ser feito um consórcio com a oprefeitura de Santo Antônio do Descoberto.

Novo Gama Depois da interdição do Ibama, em 26 de abril, resolveu emergencialmente os problemas de poluição. Assinou um TAC e caminha para ser um aterro sanitário.
Mimoso, Padre Bernardo e Cocalzinho
A avaliação pelo Ibama já aconteceu. O relatório sai até semana que vem. A demais cidades do Entorno serão vistoriadas até este período também.
Fonte: Ibama-DF e prefeituras

Wednesday, June 14, 2006

A Viação Anapolina tem provocado constrangimentos a todos aqueles que


utilizam-se de seus serviços de transporte coletivo e ocorre do veiculo quebrar no meio da estrada. Já somos chacotados quando nos atrasamos. Quantas pessoas já tiveram que ouvir: " - Já sei: voce está chegando atrasado porque o seu ONIBUS QUEBROU?".

Eu tive que gastar créditos de meu telefone celular para comunicar ao consultório den´tário que eu iria chegar atrasado devido a problema de transporte. Isso é vexamosoo. Será que os usuários da Anapolina tem que sair de casa sempre com uma hora de antecedencia, para ver se consegue chegar na hora.




É vexamoso, constrangedor, humilhante, degradante ficar na beira da estrada esperando outra sucata para nos levar ao destino que a empresa promete chegar!











ESSA REPETIÇÃO É PARA DEMONSTRAR MINHA INDIGNAÇÃO COM O DESCASO COM QUE SOMOS TRATADOS POR ESSA EMPRESA MONOPOLISTA!!!!!!![

Mau comerciante joga cinzas de churrasquinho no bueiro coletor de aguas pluviais








Esta é a boca do bueiro.
Existe um comerciante de churrasquinho que acha que bueiro é depósito de cinzas de churrasquinho. É isso que tá acontecendo no bueiro logo abaixo do posto de gasolina na entrada da cidade. Até espetinho de madeira é jogado lá. Vejam quanta sujeira que acumulou pelo descuido do povo. Quando as chuvas chegarem, a pista ficará alagada.

Matérias diversas sobre a nossa "querida" Viação Anapolina - www.anapolina-go.blogspot.com

Mais fotos da tragédia nossa de cada dia sob as (des)graças da Famigerada Anapolina


O onibus que mais parece uma britadeira, saíu da rodoviaria de Novo Gama por volta das 09:35. Cehgando na BR 040, na subida, começou a amarrar, aumentou a barrulheira, foi diminuindo a velocidade... parou. O coitado do motorista até que rodou mais 500 metros, e PAROU. E os coitados dos passageiros tiveram que descer, ficar exposto ao sol, ao ridiculo, esperando por mais de 10 minutos por socorro.

Até onde entendo, os serviços de transporte coletivo está sujeito ao Código do consumidor, e dever prestar um serviço de qualidade, sem causar dano algum. a quem dele se utilize. Esse trasporte coletivo é de péssima qualidade, sujeita o passageiro ao mesmo. Nem melhora nem abre espaço para a concorrencia. As autoridades municipais nada fazem, embora seja responsabilidade do Municipio cuidar do transporte coletivo da cidade. Só posso imaginar que tem gente "calando" gente para deixar a desordem predominar.













Este site tem como objetivo ser um meio de divulgação da qualidade dos serviços prestados pela Viação Anapolina. Lamentavelmente temos muito mais a reclamar, afinal o "seu" Osvaldo, fundador da empresa, procurava zelar pela qualidade dos serviços prestados por sua empresa. Mas hoje, não adianta reclamar. A Anapolina tá cansada de saber que a maioria dos onibus são sucatas: burlhentos, fumacentos, desconfortáveis, sujos, com baratas - principalmente a noite elas aparecem mais -, os motoristas e cobradores são despreparados para lidar com o publico, principalmente idosos. Enfim, quem quizer tentar contactar com a Anapolina, é só passar e-mail para sac@viacaoanapolina.com.br, ou ligar para 0800 646 6075. Ah, se o onibus quebrar no meio da estrada, nao adianta ligar de seu celular. Voce vai ter que esperar chegar num telefone fixo para fazer essa ligação. Bom seria ligar na hora que o onibus quebrou, para voce poder despejar sua indignação sob o sol quente, frio ou chuva, ou no meio da noite num lugar escuro. Mas o que acontece é que quando voce resolver ligar, a raiva já passou, afinal ja acustumou e não vai adiantar nada mesmo. São anos e anos nesse LENGA LENGA e nada resolvido.






ANAPOLINA: Empresa de Transporte Coletivo ou Transportadora de Cargas?

Nós passageiros da Anapolina, além de utilizarmos veículos velhos e lotados, ainda temos que dividr nosso espaços com caixas, inclusive de marmitas.Na foto acima , vemos um módulo, tipo sofá, bem na porta. Na hora de descer, é uma confusão daquelas. Isso tudo atrasa a viagem. Deveria proibir passageiro viajar nas portas, principalmente de descida. O onibus só prosseguiria viagem quando a porta estivesse desocupada.

Tuesday, June 06, 2006

DIVERSAS NOTICIAS SOBRE A ANAPOLINA, QUE MANDA E DESMANDA, E NINGUÉM FAZ COISA ALGUMA PARA AJUDAR OS ELEITORES DE NOVO GAMA

Hoje me senti razoavelmente pagando o valor da passagem.


Me senti respeitado, transportado de forma confortável, humana, digna. Onibus bem conservado, silencioso, sem fumaça, com certeza de que chegaria devido a possibilidade do carro não quebrar no meio do caminho. Acho que seu Osvaldo iria gostar de ouvir isso.
__________
Através de novo onibus, a Viação Anapolina apresenta maior respeito aos Idosos e deficiente físicos. O onibus abaixo tem 7 vagas



para pessoas com idade superior a 65 anos, bem como para gestantes, e deficientes fisicos.


Publicado "POR UMA QUESTÃO DE JUSTIÇA! "
­-________

Atendendo solicitação da Anapolina, publico a foto abaixo, " por uma questão de justiça"!
Só falta agora treinar o pessoal de ponta. Motoristas e cobradores, esses coitados que são obrigados a trabalhar no minimo seis horas ao lado desses motores barulhentos, sem isolamento térmico adequado, sem isolamento sonoro, sem isolamento de fumaça. Em alguns onibus o barulho do motor é tanto que o motorista não consegue ouvir quando o passageiro pede passagem acionando a campainha. Em alguns casos, devemos entender o stress do motorista, principalmente no final de sua jornada de trabalho. Apesar disso, a empresa possui alguns funcionários bons. A eles, nossos parabens.




­___________________
Finalmente a Viação Anapolina se manifestou.
Ozéas de Oliveira
CLIQUE NA FOTO PARA VÊ-LA NITIDAMENTE.




=====================================================================================
Finalmente a Viação Anapolina se manifestou,colocando novos onibus nas linhas. Mas tambeém de forma que não é a esperada, conforme texto abaixo.
Segue abaixo a mensagem que este site recebeu por parte de representante de empresa.Cabe aos internautas avaliarem os sentimentos e intensões do Assessor quando se expressou da forma que o fez, e fazendo a solicitação abaixo.
=====================================================================================
Ilmº. sr.
Dr. Alex Fernando.

Inicialmente, quero agradecer por ter recebido alguma manifestação por parte da empresa.
Segundo lugar, agradeço pelos acessos à nossa página que se destina a apresentar primeiramente sugestões de como pode ocorrer melhora no atendimento a nós passgeiros, que somos obrigados a utilizar os serviços dessa empresa, por falta de opção de transporte coletivo; seguidamente, apresentar reclamações quanto à (des)qualidade dos serviços, que são evidentes e dispensa maiores comentários, pois as matérias públicada pela imprensa constatam a insatisfação e o tipo de serviço oferecido pela empresa. Logo, não é opinião exclusivamente minha.
Terceiro lugar, crieio que o ilustrissimo Doutor não é assiduo visitador da página www.anapolina-go.blogspot.com, pois do contrário teria visto, que POR JUSTIÇA, eu publiquei uma matéria, (ainda com crítica), a respeito dos novos onibus. Logo é evidente que o ilustrissimo doutor precipitou-se em fazer o comentário abaixo.
Quarto lugar, senti que há um ressentimento por parte de V. Sa., uma vez que iniciou me tratando de Sr. , e postriormente passou usar o termo VOCE.

Finalmente, desejo agradecer pela respota. Agora que tenho um -email para quem entendo posso dirigir minhas observações, aproveito para agradecer pela resposta, e também para agradecer aos acessos ao nosso site.


Atenciosamente,




Ozéas de Oliveira

+====================================================================================

> Sr. Ozéas Rodrigues de Oliveira,
>
> Como voce vive apresentando criticas ao serviço da Viação Anapolina - VIAN, agora por justiça fale dos ônibus zero que estão circulando.
>
>
>
> Atenciosamente,
>
>
> Paulo Albernaz
> Assessor Juridico

Até que enfim alguns onibus novos...mas ainda vamos ter que sofrer na sucataiada restante



Esses onibus foram apresentados à população em valparaiso, para posterior distribuição ás cidades do entorno. Alguns foram destinados ao Novo Gama. Já estava passando da hora. Agora só Deus sabe quando a frota receberá novos. Mas ainda teremos que nos submeter as sucatas barulhentas que circulam e quebram no meio do itinerário




Descaso pela viação Anapolina
O onibus 97401 está com um problema na porta trazeira, de forma que quem está sentado após a porta tem que suportar o vento, poeira, fumaça, chuva e o que mais entrar pela imensa brecha. Os vidros da janela batem tanto que os passageiros estão arrancando pedaços do forro lateral para prender os vidros. Passar mais de uma hora com uma janela batendo no pé do ouvido, nem seu Odilon guentaria.

ALGUÉM PODE FAZER ALGUMA COISA?

OS NÚMEROS DOS ONIBUS ESTÃO RISCADOS IMPEDINDO A IDENTIFICAÇAO. O NÚMERO DO TELEFONE PARA RECLAMAR ESTÃO DANIFICADOS.como é que pode o passageiro reclamar?
Até que enfim alguns onibus novos...mas ainda vamos ter que sofrer na sucataiada restante


Esses onibus foram apresentados à população em valparaiso, para posterior distribuição ás cidades do entorno. Alguns foram destinados ao Novo Gama. Já estava passando da hora. Agora só Deus sabe quando a frota receberá novos. Mas ainda teremos que nos submeter as sucatas barulhentas que circulam e quebram no meio do itinerário